BRIGA ENTRE ESTUDANTES DE BARREIRAS REPERCUTE NAS REDES SOCIAIS

Capturar

Nesta sexta-feira, 08 de maio de 2015, data em que diversas autoridades do município de Barreiras participavam das comemorações dos 70 anos de atuação da Força Expedicionária Brasileira, na luta contra o nazismo durante a Segunda Guerra Mundial, na Praça Landulfo Alves, no Centro da cidade, estudantes da rede estadual de ensino transformaram a Praça Castro Alves, bem próxima ao evento, em um verdadeiro campo de batalha. A briga foi gravada por celular e ganhou repercussão, porque foi postada nas redes sociais. Entre e veja o vídeo…

O que mais impressiona é a omissão da maioria dos alunos, que ao invés de apartar a briga ou pedir ajuda à polícia, vibravam, incentivavam ou simplesmente se preocupavam em filmar os atos de agressão. No vídeo é possível ver um estudante no chão, sendo agredido com vários chutes, sem qualquer chance de defesa. Um rapaz de estatura alta e alguns alunos conseguiram apartar os jovens com muita dificuldade.

É possível ouvir uma aluna fazendo ameaças de morte contra um colega, dizendo que ele bateu em seu pai. Um jovem de bermuda vermelha e sem uniforme foi quem mais espancou um dos estudantes. Dizia que o outro tinha ferido o seu irmão. Não foi possível manter contato com a direção do Núcleo Regional de Educação em Barreiras para falar sobre os conflitos, uma vez que, o vídeo chegou a nossa redação no sábado à tarde, quando não há expediente no órgão.

Alô Alô Salomão

O-boutição