TAXA DE HOMICÍDIOS NA BAHIA É UMA DAS MAIORES DO BRASIL; LUÍS EDUARDO MAGALHÃES OCUPA PRIMEIRO LUGAR

lem

A ONG Mexicana Seguridade, Justicia y Paz, divulgou no início do ano um estudo que listava as 50 cidades mais violentas do mundo. No estudo, foram alocados dados de cidades que possuíam 300 mil habitantes ou mais, e excluía áreas em guerra. O que assusta, é que o Brasil foi classificado como um dos países mais violentos do mundo, ficando atrás apenas da Venezuela. No país, o estado com mais cidades presentes na lista é a Bahia, que consta Salvador, Feira de Santana e Vitória da Conquista.

Na Bahia, uma cidade que apareceu ocupando posição considerável na lista foi o município de Feira de Santana. A segunda maior cidade do estado, com seus 620 mil habitantes, já registra no ano de 2016 cerca de 330 mortes violentas. De acordo com o cálculo, Feira de Santana sofre hoje com quase 50 mortes a cada 100 mil habitantes, dados estes que se assemelham aos de 2015, e o índice de mortalidade violenta de Feira classificou o município como a 27º cidade mais violenta do mundo, segundo lista divulgada pela ONG. Você pode conferir o estudo na íntegra neste link.

luis-eduardo

Se o estudo fosse estendido a áreas com menos de 100 mil habitantes, a cidade de Luis Eduardo Magalhães, no Oeste da Bahia, ocuparia na lista o lugar como uma das mais violentas cidades do Brasil. Em 2016, a cidade já registrou 62 homicídios, dados estes que são superiores até aos de capitais como Fortaleza, que registrou 60,77 homicídios a cada 100 mil habitantes em 2015, Natal, que registrou 60,66 e Salvador/Região Metropolitana que registrou 60,63.

L.E.M.

Luis Eduardo Magalhães já teve a maior taxa de crescimento populacional do estado devido a imigração em busca de trabalho nos setores de agronegócio, o que de maneira desordenada, contribuiu para o crescimento da violência na cidade.

Por incrível que pareça, o Rio de Janeiro não aparece na lista. Em 2015, a cidade carioca teve a menor taxa de homicídio doloso dos últimos 24 anos, registrando apenas 1.202 homicídios, o que corresponde a 18,6 homicídios a cada 100 mil habitantes. Os números são do Instituto de Segurança Pública do RJ.

Fonte:Folha informativa

Foto: divulgação

Alô Alô Salomão

Menininho_opt