BACHAREL EM DIREITO RECLAMA DE DESRESPEITO À LEI DOS 15 MINUTOS NO BRADESCO DE BARREIRAS

DSCF1058_opt

O bacharel em Direito, João Paulo T. Gregolan abordou a reportagem do site Alô Alô Salomão, pouco depois do meio – dia desta terça-feira, 04, na Praça de Alimentação 24 horas, no Centro da cidade, para criticar a demora no atendimento personalizado do Bradesco, agência Barreiras.

DSCF1056

Segundo ele chega a ser abusivo o descumprimento da Lei que determina o tempo máximo de permanência de cada usuário na fila dos bancos (15 minutos). Mostrou a senha emitida às 09h 56, sendo que seu atendimento só aconteceu às 12h 00 conforme comprovante impresso emitido pelo banco.

A vítima promete denunciar o caso no Serviço de Proteção ao Crédito. “vou me juntar como outras pessoas que passaram por esse mesmo constrangimento, para procurarmos o PROCON”, observou.

Nenhuma das agências no município, seja pública ou privada, cumpre a legislação e muitas extrapolam no atraso durante atendimento ao cliente.

Postagem: Joselia Brito

Alô Alô Salomão

ÓTICAS LÚMINA: CUIDANDO BEM DA SUA VISÃO E DO SEU BOLSO