BAHIA FARM SHOW OFERECE CAPACITAÇÕES E FOMENTA NEGÓCIOS NA REGIÃO OESTE

bahia-farm-show-credito-eduardo-lena_opt

O empresário Anderson Venturin Pontel está presente na maior feira de tecnologia agrícola do Norte e Nordeste, a Bahia Farm Show, que foi aberta na terça-feira, 27. Expondo pelo segundo ano consecutivo, Anderson traz ao evento produtos derivados da carne suína, como salame e linguiça mista colonial. Para o empresário, “a feira funciona como uma vitrine de negócios. Além disso, os cursos oferecidos pelo Sebrae dão todo suporte necessário para conquistarmos novos clientes”.

O Sebrae, que mais uma vez está presente na Bahia Farm Show, promove diversas capacitações para empreendedores que passam pelo evento, além de viabilizar a exposição de produtos da região. O superintendente da instituição, Edival Passos, destacou a importância da feira para as micro e pequenas empresas, que vêm ganhando cada vez mais espaço no evento. “O fato de estarmos juntos com as grandes empresas é um desafio importante, e ajuda no aprendizado e desenvolvimento dos micro e pequenos negócios que participam da feira”.

A 10ª edição da Bahia Farm Show deve atingir R$ 1 bilhão em negócios e receber um público de 75 mil pessoas. A previsão da Associação de Agricultores Irrigantes da Bahia (Aiba) é que as estimativas favoráveis da safra 2013/2014 no Oeste da Bahia, com previsão de 7 milhões de toneladas de grãos e fibras, possibilitem o aumento de 50% no volume de negócios na feira. Com 100% dos espaços comercializados, a edição de 10 anos também marca o crescimento de 170% nos últimos cinco anos em volume de negócios fechados.

O diretor técnico do Sebrae Bahia, Lauro Ramos, acredita que o setor da agropecuária no Brasil é significativo enquanto fomentador da economia nacional, e que, nesta edição de 2014 da feira, a instituição vem se apresentando de uma maneira inovadora, trazendo oportunidades para o meio rural. “O Sebrae vem ampliando, na região, sua participação, no sentido de dinamizar as atividades produtivas ligadas ao setor da agropecuária. O nosso principal enfoque é criar oportunidades de mercado, envolvendo toda a cadeia de negócios que o mundo rural possibilite”.

O diretor de administração e finanças do Sebrae Bahia, Luís Henrique Mendonça Barreto, ressaltou que as micro e pequenas empresas estão ganhando cada vez mais espaços em eventos como esse. “A Bahia Farm Show, integra as grandes empresas e a cadeia produtiva de muitos pequenos negócios”, destacou.

Abertura

Estiveram presentes na solenidade de abertura, o governador da Bahia, Jaques Wagner, o presidente da Aiba, Júlio Cesar Busato, o prefeito de Luís Eduardo Magalhães, Humberto Santa Cruz, a presidente da Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa), Isabel Cunha, o presidente da Fundação Bahia, Ademar Marçal, além de expositores e autoridades políticas.

Para Júlio César Busato, o sucesso da feira, depois dos seus 10 anos, está atrelado aos agricultores que chegaram há cerca de 30 anos na região, e conseguiram obter alta produtividade na produção agrícola com a utilização de tecnologia de ponta em máquinas, equipamentos e insumos, fertilização e cuidados com o solo da região. “Tenho muito orgulho em dizer que a maior produtividade de soja e algodão está em território baiano. Cultivamos hoje 2.250 mil hectares, 7 milhões de toneladas de grãos e fibras, dos quais, quase 70% são distribuídos no mercado da Bahia e do Nordeste”.

O governador Jaques Wagner destacou a importância dos agricultores como os principais responsáveis pelo progresso da região. “Os produtores ajudaram a multiplicar do desenvolvimento na região”, reforça.

No decorrer do evento, foi entregue uma placa de reconhecimento ao agricultor Luiz Antônio Cansanção pela idealização da Aiba e desenvolvimento da cultura do algodão. Também foi assinado um convênio entre a Associação e o Banco do Nordeste (BNB) para a renovação do Fundo para o Desenvolvimento Integral e Sustentável da Bahia (Fundesis), com lançamento do edital marcado para esta quarta-feira, 28, que vai disponibilizar R$ 1 milhão para instituições sociais do Oeste da Bahia.

Outro convênio importante foi celebrado entre a Aiba e a Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove) para implantar o Programa de Gestão Econômica, Social e Ambiental das Propriedades Rurais (Soja Plus), que visa inserir conceitos de sustentabilidade junto às propriedades rurais da região.

A feira acontece até o próximo sábado, 31, e é organizada pela Aiba, juntamente com a Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa), Fundação Bahia, Associação dos Revendedores de Máquinas e Equipamentos Agrícolas do Oeste da Bahia (Assomiba) e Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães.

Agência Sebrae de Notícias Bahia

Foto: Reprodução (Jornal Expresso)

Alô Alô Salomão

 

Barreiras Cartuchos para Substituir_opt