BARREIRAS: ASSALTANTE FAZ DUAS VÍTIMAS DURANTE REUNIÃO EM CENTRO ESPIRITA

b6382c0e-e99f-4b6e-8b14-876fd659cbc8_opt

Antes de anunciar assalto, o marginal se sentou em um dos bancos do Centro Espirita Bezerra de Menezes, onde ficou um longo período observando as vítimas que participavam de estudos religiosos. Havia 13 pessoas na reunião, mas somente duas tiveram seus pertences roubados.

O professor universitário Théo de Araújo Santos teve sua carteira de bolso roubada com CNH, cartão de crédito do Banco do Brasil e dinheiro. A outra vítima foi a bancária aposentada, Jenni Dias de Castro, de quem o bandido levou uma bolsa feminina, cor preta, contendo aparelho celular, cartões de bancos, documentos pessoais e dinheiro. “Eu peço à população que nos dê informações sobre o paradeiro dos nossos documentos, porque o individuo prometeu jogá-los por ai”, disse Jenni.

O assaltante não exibiu arma, porém, insinuava estar armado e afirmou ter um companheiro que o aguardava do lado de fora. Antes de fugir, ameaçou as vítimas com a promessa de voltar para matar qualquer um que o seguisse.

Destacaram que o marginal estava aparentemente drogado, entretanto não suspeitaram do seu intento criminoso, porque consideraram normal esse tipo de visita ao local. “O Bezerra de Menezes funciona há 20 anos no mesmo endereço e nunca precisou manter suas portas fechadas durante os nossos eventos”, declarou Théo.

dd6d4493-addd-4830-a9c9-0bf74dfec436_opt

A entidade religiosa funciona na Travessa Benjamim Constant, Centro Histórico, ao lado do museu municipal, onde existe boa iluminação pública.

Eles mantiveram contato imediato com a Polícia Militar, mas não receberam assistência. “Ligamos há quase uma hora, mas infelizmente não obtivemos resposta. Lamentamos muito por isso”, finalizou a bancária, que já estava indo para a delegacia registrar o crime.

Alô Alô Salomão

CACHORRO QUENTE DO MENININHO