BARREIRENSE TAMBÉM COMEMORA O FIM DO HORÁRIO BRASILEIRO DE VERÃO

Image00001

Apesar de a Bahia estar incluída entre as regiões que não adiantaram o relógio em uma hora a partir de 20 de outubro do ano passado, muitos barreirenses demonstraram contentamento com o fim do horário brasileiro de verão, ocorrido no sábado, 16.

Durante 119 dias, a modificação no horário alterou para os baianos, a programação na TV e no atendimento bancário e trouxe mudanças de hábitos não aceitas por muitos. De acordo com o gerente do Bradesco, agência/centro da cidade de Barreiras, José Roberto de Melo, a diferença trazia complicações a alguns clientes, principalmente os usuários do comércio, que tinham menos tempo para resolver as questões bancárias no período da manhã. “Era mais difícil para comerciantes e usuários das agências conciliarem ocupações bancárias e a demanda de suas atividades rotineiras”.

Nesta segunda-feira, 17, todos os bancos e lotéricas em Barreiras voltaram a funcionar no horário normal, entre 10h 00 da manhã e 03h 00 da tarde. A partir de sábado, os moradores das regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e estado do Tocantins atrasaram seus relógios em uma hora. Segundo dados da Companhia de Energia Elétrica de Minas Gerais (CEMIG), a economia de energia elétrica com o horário de verão é estimada em 0,5%, um total de 88.000 MWh.

Alô Alô Salomão

 

TEC VIDROS