CONFEDERAÇÃO NACIONAL DE SAÚDE DIVULGA TABELA PARA CONTRIBUIÇÃO SINDICAL VIGENTE EM 2016

contribuição sindical_opt

Gestores de hospitais, clínicas e demais serviços de saúde já podem consultar a tabela para cálculo da contribuição sindical patronal, prevista para o ano que vem. O tributo anual, estabelecida pela Consolidação das Leis Trabalhistas, é obrigatório e a inadimplência pode acarretar em multas e autuações, ações na justiça, além impedir que as empresas participem de processos licitatórios do poder público. A tabela, na integra, pode ser conferida no site do Sindicato dos Hospitais e Estabelecimentos de Serviços de Saúde da Bahia (Sindhosba):www.sindhosba.org.br.

As empresas associadas às entidades sindicais devem manter o pagamento do imposto em dia, para que não ocorram as punições. O cálculo da contribuição é feito com base no capital social da empresa, declarado na Junta Comercial, e pode chegar à quantidade de parcela adicional no valor máximo de R$ 86.721,51 – valor que não deverá ser descontado dos funcionários da entidade por se tratar de uma contribuição exclusivamente patronal.

Para fazer o cálculo basta enquadrar o capital social correspondente à empresa, multiplicar pela alíquota descrita na tabela e adicionar ao valor da parcela indicado. Segundo o presidente do Sindhosba, Raimundo Correia, como a contribuição não é optativa, e sim prevista em lei, cabe aos sindicatos apenas realizar essa cobrança. “É através da contribuição sindical que são desenvolvidas ações em prol dos contribuintes, entre elas a assessoria jurídica, as atividades do comitê de negociações coletivas, a realização de cursos de qualificação, entre outras”, esclarece.

Fonte: ASCOM/Lume Comunicação

Alô Alô Salomão

 

aloalosalomao-1