Delegado pede prisão preventiva de autor de feminicídio

Em entrevista ao programa “Poder da Notícia”, na rádio Oeste FM, o delegado de São Desidério, Carlos Ferro falou que Marta Geany de Assis Souza, de 43 anos, passou a sofrer ameaças depois de romper o namoro com o autor do crime, José Divino Texeira de Sales, 25 anos.

Ainda declarou que a vitima se separou de José Divino há aproximadamente sete meses e não tinha interesse em reatar o convívio, mas o ex-companheiro não aceitava o fim do relacionamento e tentava reconciliação constantemente. Por causa disso, Marta Geany foi assassinada no dia 06/10/2018, por volta das 20h, quando se encontrava ingerindo bebida alcoólica no Bar do Alagoas, na Avenida Goiás, no trevo que dá acesso ao Sítio do Rio Grande. “José Divino apareceu no Bar e solicitou à vítima mais uma vez que voltasse a conviver com ele, o que gerou uma discussão por ciúmes e o crime”.

O autor retirou uma faca da cintura e desferiu vários golpes na ex-companheira por motivo torpe, a qual teve morte imediata no interior do estabelecimento (bar). O delegado Carlos Ferro solicitou a prisão preventiva do acusado e está realizando buscas com o objetivo de prendê-lo.

Alô Alô Salomão