EMBASA AVANÇA NA OBRA DE AMPLIAÇÃO DA ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA DE BARREIRAS

19_opt (1)

A Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) vem avançando na obra de ampliação da estação de tratamento de água de Barreiras, no oeste da Bahia. Com investimentos, com recursos próprios, no valor de R$ 4,5 milhões, a empresa pretende incrementar com a conclusão do empreendimento 50% da produção de água tratada na cidade.

Com 30% da obra concluída, as equipes estão trabalhando na execução das calhas do decantador. Nos últimos quatro meses, foram cumpridas as etapas de terraplanagem do terreno, concretagem das paredes, vigas e canal de esgotamento. Na obra de ampliação, vem sendo construído um novo módulo da estação de tratamento, com floculador, decantador, dois filtros e dois sopradores (para auxiliar a limpeza dos filtros).

19_opt (2)

Segundo o gerente da divisão de operações da Embasa, Marcos Rogério Moreira, a ampliação vai garantir um reforço da produção em até 13,85 milhões de litros de água por dia. “Passaremos a produzir um total de 43,85 milhões de água o que será suficiente para atender com folga e qualidade no tratamento a futura demanda do município”, afirma. Nos últimos cinco anos, a Embasa vem incorporando uma média anual de 1,5 mil novos imóveis ao sistema de abastecimento de água.

19_opt

A água bruta é captada do rio de Ondas, em Barreiras, sendo levada para tratamento na estação, de modelo convencional, e passa pelos processos físicos – coagulação, floculação, decantação e filtração – e químicos – com a adição de cloro, cal e flúor. As regras de tratamento de água seguem os parâmetros da portaria 2914/2011, do Ministério da Saúde. Atualmente, a estação produz 28,8 milhões de litros de água por dia para abastecer 46,9 mil unidades domiciliares na sede e em mais 20 povoados de Barreiras.

Ascom Embasa

Alô Alô Salomão