Alô Alô Salomão - LAVRADOR MORRE ATROPELADO POR CAMINHÃO EM CRISTÓPOLIS

LAVRADOR MORRE ATROPELADO POR CAMINHÃO EM CRISTÓPOLIS

acidente

Local do acidente

Um lavrador morreu depois de ser acidentado por um caminhão Volkswagen, cor cinza, na tarde deste domingo, 19, na BR 242, à aproximadamente 500 metros da cidade de Cristópolis, Região oeste da Bahia. A vítima, Manoel Pinheiro do Amaral, 59 anos, conhecido por Manel do Martin ou Manel gostoso, de acordo com o seu cunhado Vanderlino Pereira de Santana foi atropelada quando seguia pela margem da rodovia em direção à fazenda vaquejada, onde morava com a família, a esposa Maria Santana de Amaral e filhos.

acidente-IMG_8948_opt

Testemunhas disseram ao blogueiro e radialista da São Vicente FM de Cristópolis, Flávio Vasco, que o ciclista avançou repentinamente para a esquerda e foi inevitável a colisão. O condutor do caminhão contou que pendeu para a contramão e tentou frear, mas não conseguiu evitar o atropelamento.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local e encaminhou Manoel para um posto de saúde na sede do município, onde os médicos constataram o óbito aproximadamente 30 minutos depois do socorro.

O DPT e a PRF de Barreiras foram acionados para fazer a perícia e trouxeram à bicicleta, o caminhão e o motorista para a Coordenadoria Regional. O corpo do lavrador foi transladado ao Instituto Médico Legal (IML) deste município, onde será examinado.

Flávio ressaltou que mais ou menos 40 pessoas ameaçaram linchar o motorista, no entanto, graças à intervenção da Polícia Rodoviária Federal de Barreiras e à chegada de reforços policiais do município de Baianópolis, conseguiram impedir o ato de violência. Moradores reclamam da falta de segurança no município, uma vez que, atualmente a Companhia da PM de Cristópolis possui apenas dois policiais trabalhando nas escalas de plantões, e um investigador atuando na delegacia, onde há um delegado substituto de outro município, para atender excepcionalmente ocorrências de alta complexidade.

Alô Alô Salomão