OBRA DE ESGOTAMENTO AVANÇA EM BARREIRAS

Image00001

O presidente da Embasa, Abelardo de Oliveira Filho, visitou, na última quarta-feira (19), as instalações da obra de esgotamento sanitário em execução em Barreiras. Abelardo afirmou estar satisfeito com o andamento da obra, que tem previsão de término em junho de 2015. “A Embasa vem avançando nas ligações de esgoto não somente em Barreiras, mas em toda a Bahia. O número de ligações evoluiu de 494.973 para 963.902 nos últimos oito anos. Mais 468.929 novas ligações no período, ou seja, um crescimento de 95%”, ressalta.

Image00002

Em Barreiras, a obra de esgotamento sanitário vem avançando gradativamente na cobertura do serviço, o que vem diminuindo o lançamento de esgoto nas vias públicas e no rio Grande, que corta a cidade. Em locais onde existe topografia favorável e condições técnicas para coleta e tratamento, os imóveis já vem sendo ligados nas atuais lagoas de tratamento localizadas na Vila Brasil, Centro Histórico (localizada atrás do Hospital do Oeste) e Ribeirão. Estas estruturas serão desativadas, e todo o esgoto coletado na cidade será destinado para uma única Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), em fase final de construção na BR-135, na saída para o Piauí.

Abelardo de Oliveira Filho percorreu as instalações das futuras Estações de Tratamento de Esgoto (ETEs) e de uma das elevatórias ligadas ao novo sistema de esgotamento sanitário de Barreiras, juntamente com a diretora de Operação e Expansão Norte da Embasa, Rita Bonfim, e do gerente da empresa em Barreiras, Francisco Araújo Andrade, além de engenheiros que participaram da execução do trabalho.

Rede disponível

Da atual obra de ampliação, a rede de esgoto dos bairros Bela Vista, Centro Comercial, Jardim Ouro Branco, JK, São Miguel, Sandra Regina, São Pedro, Vila Rica, Vila dos Funcionários, Vila Amorim, São Pedro já está disponível para os imóveis executarem as suas ligações. Barreiras possui, até o momento, cerca de 10 mil ligações de esgoto, alcançando uma cobertura total de 20,8%. Com a conclusão total das obras, Barreiras alcançará o índice de cobertura de esgotamento sanitário em 80% da sede municipal, beneficiando 120 mil habitantes, com cerca de 32 mil ligações de esgoto implantadas.

Uma das maiores obras da Embasa na Bahia, a obra de ampliação do sistema de esgotamento sanitário de Barreiras está orçada em R$ 109 milhões com recursos da própria Embasa, sendo R$ 78 milhões na modalidade de empréstimo pelo FGTS/Caixa Econômica Federal e R$ 31 milhões com recursos próprios.

Assessoria de Comunicação da Embasa

Unidade Regional de Barreiras (UNB)

Alô Alô Salomão

 

CASA DO MARCENEIRO