OPERAÇÃO DA PRF PRENDE 148 PESSOAS NO SUL DO ESTADO

Image00001

Uma grande operação foi deflagrada na última semana pela Polícia Rodoviária Federal, com apoio da Polinter, Polícia Civil do Piauí e Ministério Público Estadual da Bahia, onde apreendeu mais de 100 veículos no sul do Estado e prendeu 90 pessoas. A operação, batizada de Hircos II, mobilizou mais de 100 Policiais Rodoviários Federais e agentes da Polícia Civil e visava desmanchar uma quadrilha especializada na venda de veículos roubados de cidades de São Paulo e do Distrito Federal.

De acordo com o inspetor Fabrício Loiola, a PRF atuou em 50 municípios e prendeu 148 pessoas. “As pessoas envolvidas foram detidas, algumas prestaram esclarecimento e foram liberadas e outras ainda se encontram presas” disse.

Os veículos eram comercializados em estabelecimentos, feiras livres e por “atravessadores” do produto em cidades do interior do Piauí e Bahia por valores que variavam de 10 a 20% do seu valor original de mercado.

Um fato que chamou a atenção dos policiais foi de que, em parte, os comerciantes não se preocupavam em adulterar os veículos, comercializando os carros já sem placas ou ainda portando as placas originais do veículo roubado/furtado.

Em cidades como São Raimundo Nonato, carros eram vendidos por cerca de 8 mil reais. A população comprava os veículos por preços abaixo do mercado.

A Policial Rodoviária Federal Darline Chagas, que esteve presente na opração disse que muitas pessoas compram os veículos por desinformação, não agindo de má fé, mas por que vê a oportunidade e não desconfia, por falta de informação, que na verdade está caindo num golpe.

Em oito dias de trabalho a operação percorreu-se mais de trinta municípios da região centro-sul do Piauí e oeste da Bahia. Ao final, 163 veículos foram identificados com registro de roubo/furto ou adulterados os sinais de identificação. Por volta de 148 pessoas que estavam de posse dos veículos roubados ou adulterados foram encaminhados à Polícia Civil e poderão responder por receptação e adulteração de sinais identificadores de veículos automotores.

Os veículos serão removidos para Teresina e Salvador. Nas capitais serão submetidos a procedimento pericial. Depois disso deverão ser devolvidos aos proprietários.

Estrutura da operação

Participaram da operação 112 Policiais Rodoviários Federais, 2 delegados (Polinter/PCPI), 7 agentes (Polinter/PCPI), 40 viaturas, sendo 36 da PRF e 4 da Polícia Civil, 1 ônibus – Centro de Comando e Controle PRF, 2 veículos pranchas, 1 ambulância (equipe PRF de Atendimento Pré-Hospitalar) e 1 veículo do tipo boiadeiro.

Fonte: Policia Rodoviária Federal

Alô Alô Salomão

 

CASA DO MARCENEIRO