POLÍCIA INVESTIGA CAUSAS DE ACIDENTE COM MORTE NA BR 135

20150817143311_opt

Moacir José Spanholí, 65 anos e sua esposa Terezinha de Fátima Correia Spanolí, 56 anos, viajavam no sentido Riachão das Neves quando o veículo Hilux, conduzido por ele, capotou ao tentar desviar de um ônibus de placa MPP – 6186 de Niquelândia – GO, dirigido por  Denildo Bernardo dos Santos, que invadiu a contramão, para acessar uma estrada vicinal que dá acesso a reforma agrária do Rio Branco, município de Riachão das Neves. O acidente ocorreu na BR 135, por volta das 10h 50, próximo à fazenda Torroada.

O motorista da caminhonete morreu na hora.  Terezinha sofreu lesões leves e foi socorrida pelo SAMU e encaminhada para o Hospital do Oeste.

O trânsito ficou interditado por aproximadamente 40 minutos, até a retirada do veículo do meio da pista. A polícia vai investigar as causas do acidente.

Agentes do Corpo de Bombeiros e Polícia Rodoviária Federal trabalharam no resgate das vítimas. O corpo de Moacir foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Barreiras. Ele era administrador de empresas, natural de Lagoa Vermelha/RS e morador da cidade de Várzea Grande/MT, na Rua Cristóvão Colombo, bairro Jardim Imperador.

Postagem: Joselia Brito

Alô Alô Salomão

0112