PRF na Bahia apreende 6,5 toneladas de drogas no primeiro semestre de 2019

No enfrentamento à criminalidade, somente nos primeiros seis meses do ano, a PRF na Bahia foi responsável pela apreensão de 6,5 toneladas de drogas, sendo 6,3 toneladas de maconha, 154 quilos de cocaína e mais 93 quilos de crack.

Comparado ao mesmo período de 2018, a PRF havia registrado 597 quilos de maconha; 147 quilos de cocaína; e 130 quilos de crack. Portanto, os números apresentados entre janeiro e junho deste ano, superam em quase dez vezes o volume apreendido nos primeiros seis meses do ano passado.

O total de 2,3 milhões de maços de cigarro contrabandeados do Paraguai representa um aumento de mais de 800% em relação às 288.370 carteiras retiradas de circulação no primeiro semestre de 2018. Nos primeiros seis meses do ano, também foram recolhidas 39,2 mil litros de bebidas contrabandeadas.

Nas ações de combate às fraudes veiculares, foram recuperados 232 veículos com registro de furto, roubo ou adulterados. Além disso, 1.197 pessoas foram detidas por crimes diversos, como roubo, receptação, porte ilegal de arma de fogo, contrabando ou descaminho, tráfico de entorpecentes, uso de documento falso e crimes de trânsito.

Entre os meses de janeiro a junho deste ano, equipes da PRF apreenderam ainda 48 armas e mais 241 munições em decorrência de fiscalizações nas rodovias federais que cortam o estado. Houve ainda a apreensão de 231.600 reais em notas falsas.

Nesse período, também foram resgatados, em conjunto com órgãos ambientais, 1.605 animais exóticos e silvestres. Nesta seara de crimes ambientais, também foram apreendidos 39,10m³ de madeira irregular e mais 1.650 quilos de pescado.

Fonte: PRF

 

Alô Alô Salomão