Primeiro dia do Concurso de Quadrilhas Juninas e a Cidade Cenográfica na Vila do São João encantam visitantes no Arraiá do Parque

O penúltimo dia do maior e melhor São João da Bahia foi marcado pelo início do Concurso de Quadrilhas Juninas que disputam o terceiro maior prêmio nacional de quadrilhas, inclusive com premiação inédita em dinheiro para o melhor Marcador. As apresentações nO sábado (22), levaram alegria e a cultura nordestina para milhares de pessoas que compareceram no Parque de Exposições Engenheiro Geraldo Rocha. No Arraiá do Parque, o primeiro dia do Concurso de Quadrilhas Juninas do São João de Barreiras ficou por conta das Quadrilhas: Sapecou Queimou, Luar do Nordeste, Formiga da Roça e Encantos do Oeste.

Uma noite bem colorida e de muitas coreografias marcaram as apresentações. A quadrilha Sapecou Queimou trouxe para o arraiá, o tema “Deus e o Diabo na Terra do Sol”, uma obra de Glauber Rocha de 1964. Contando uma história fictícia idealizada por Joesley Matos, a quadrilha Luar do Sertão foi a segunda a se apresentar com o tema “Sonho”.

As apresentações seguiram com uma viagem pelo lúdico amparado pelo imaginário popular representada pela quadrilha Formiga da Roça, expressando com uma diversidade musical o tema ‘”O auto do Amor Roubado”. Já a quadrilha Encantos do Oeste encerrou as apresentações da noite com o tema Tranças, trazendo uma reflexão sobre o racismo no século XXI, com resquícios inseparáveis e indiscutíveis dos séculos passados, contada pelo Senhor do Tempo.

A secretária de educação, cultura, esporte e lazer, Cátia Alencar acompanhou as apresentações ao lado da vice prefeita Karlúcia Macêdo, do secretário de segurança cidadã e trânsito, Júnior Sampaio, secretário de agricultura, José Marques, chefe de gabinete Marileide Carvalho, subsecretária Emília Moreno e do diretor de cultura Lucas Barreto. “Toda a estrutura do Arraiá do Parque é um tributo a força da cultura nordestina e nada representa tanto essa cultura quanto a tradição das quadrilhas. Por isso a Prefeitura de Barreiras através de patrocinadores estará distribuindo entre os vencedores o terceiro maior prêmio nacional dos concursos de quadrilhas através de patrocinadores. São 18 mil em premiação como forma de incentivo as quadrilhas e fortalecimento da cultura nordestina”, destacou a secretária.

Entre a arena do Concurso de Quadrilhas que recebe mais apresentações nesse domingo, 23, e a arena dos grandes shows, os visitantes do Arraiá do Parque podem visitar e conhecer toda magia da Vila do São João. No espaço foi montada a Cidade Cenográfica inspirada na Praça Coronel Antônio Balbino da década de 1960 e 1970. A Vila de São João fica aberta a partir das 20h diariamente e no espaço é possível encontrar as réplicas da Catedral São João Batista, ‘Pharmácia do Ramirão’, ‘Cantinho da Revista’, ‘Farmácia Gonçalves’, ‘Casa Campos’, a ‘Gurilândia’, ‘Bar Central’ e o ‘BANEB’.

 

 

 

 

 

 

 

Por: DIRCOM/Barreiras

Alô Alô Salomão