Riachão das Neves: Vereadores debatem importantes assuntos para o município em sessão ordinária desta segunda-feira (06)

Em sessão realizada nesta segunda-feira (06) em Riachão das Neves, importantes indicações foram votadas e relevantes assuntos debatidos pelos vereadores no plenário da câmara. O vereador Elias Magalhães e a presidenta, Socorro de Tonho de Santo ausentaram-se por motivo de força maior, no entanto a sessão foi presidida pelo vereador Bispo Hélio, que compôs a mesa com os vereadores, Thiago do Lay (primeiro secretário) e Sirla da Saúde (segundo secretário).

Dentre os assuntos colocados em pauta, Abraão Magalhães apresentou indicação que dispõe sobre a construção de um galpão para implantação de sanitários públicos na área dos festejos de Alafavaca, local desabitado, na zona rural, onde milhares de devotos se reúnem anualmente, durante três dias de evento festivo e religioso.

Nego da Burra fez indicação de Projeto de Lei de sua autoria, requerendo a proibição da apreensão de veículos, dentro do município, por atraso no Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).

Durante discurso na tribuna da casa, o parlamentar declarou que a retenção e remoção dos carros em blitz, por atraso, geram prejuízos e submetem motoristas à situação constrangedora e humilhante. “A maioria usa o carro para trabalhar, e não paga o IPVA, porque o salário não oferece condição. Sem esse veículo a vida do cidadão fica mais complicada ainda”, argumentou.

O vereador, Dr. Daniel Correia fez elogios ao governo municipal pelos investimentos e incentivos aos projetos culturais em todo o município. Ressaltou que eventos como a festa de Alfaca, cavalgadas, vaquejadas, não somente estimulam a cultura local, mas também aquecem os investimentos para o comércio em geral e geram emprego e renda. “Ganham proprietários de bares, restaurantes, lojas de calçados e confecções, postos de combustíveis e outros”, completou.

Moabe falou sobre a necessidade de combater a degradação do meio ambiente no município, com a implantação de projetos de conservação e defesa de áreas ambientais, tais como: Riacho do Sarapó, Rios e demais áreas de preservação permanente.

Poucas pessoas assistiram à sessão, que terminou por volta das 20h 30 com votação e aprovação das indicações apresentadas na ordem do dia.

Foto: Patrícia

Alô Alô Salomão