VEREADORES DESTACAM IMPORTÂNCIA DA TV CÂMARA PARA BARREIRAS E REGIÃO

sessão quarta feira_opt

A sessão de quarta-feira (14/10) começou com a apresentação de documentários que já foram produzidos pela equipe da TV Câmara. São arquivos que mostram o potencial econômico, turístico e cultural de Barreiras. Com previsão de ser inaugurada no início do mês de novembro, a TV Câmara será um veículo onde a população terá total abertura de participação.

Será uma forma de aproximar mais ainda a Câmara Municipal da comunidade. As sessões de terça e quarta-feira vão ser transmitidas ao vivo e cada legislador terá a oportunidade de mostrar projetos e indicações, por meio de programas direcionados para este fim. Os vereadores consideram que o novo canal representa um marco histórico para a comunicação em Barreiras.

Após o presidente Tito, abrir espaço para os discursos, o primeiro a se pronunciar foi o vereador Aguinaldo Júnior, que parabenizou os professores pelo seu Dia Nacional, comemorado hoje, 15 de outubro.

O vereador Otoniel Teixeira, ocupou a Tribuna para falar sobre a comunidade de Palmeira. De acordo com ele, as famílias estão passando por dificuldade. Sem apoio do Poder Público Municipal, não contam com atendimento na área da Saúde, Educação, Infraestrutura e oferta de água encanada e nem poço artesiano. Inconformado, Otoniel Teixeira cobrou providências, principalmente, porque, segundo o vereador, desde 2013, oito (08) crianças estão sem estudar por falta do transporte escolar. E cobrou ainda investimentos no esporte da zona rural.

Já a vereadora Karlúcia Macêdo, parabenizou os professores e solicitou aprovação de moção em homenagem a categoria. Como presidente da Comissão de Educação da Câmara, mostrou-se indignada com a situação dos estudantes da comunidade de Palmeira e disse que já na próxima semana vai até o local, juntamente com outros vereadores, para registrar e também cobrar providências.

O vereador Alcione Rodrigues falou mais uma vez sobre as dificuldades enfrentadas por quem procura os serviços de saúde em Barreiras. Falou que a Secretaria de Saúde não está preocupada nem mesmo em atender as pessoas que estão com casos graves de saúde, como as que sofrem com o câncer.

De acordo com ele, a população não consegue marcar exames e pediu aos vereadores que seja feita uma ação conjunta para fiscalizar e descobrir o que está acontecendo na central de marcação e averiguar quais especialidades estão sendo oferecidas, de fato, na cidade. E denunciou: “Vereadores de outros municípios chegam sempre, principalmente no Hospital Eurico Dutra, com muitos pacientes. A maioria do município de Riachão das Neves. Não sou contra o atendimento a essas pessoas, mas Barreiras precisa de atenção”, disse Alcione Rodrigues.

O vereador Gilson Rodrigues, também ocupou a Tribuna. Destacou a importância da TV Câmara para Barreiras e logo em seguida falou sobre a situação da escola Tarcilo Vieira de Melo, no bairro São Pedro. A construção da quadra está paralisada há mais de três anos. E não é só isso. Para executar o projeto, salas foram demolidas e não foram construídos novos espaços, e secretários, professores, diretores e coordenadores, realizam as atividades num mesmo lugar, impossibilitando o bom andamento dos trabalhos.

A vereadora Marileide Carvalho, parabenizou os profissionais da Educação pela passagem do Dia dos professores e informou que o Poder Executivo, sancionou a Lei que forma a equipe multidisciplinar nas escolas públicas de Barreiras. Outra lei sancionada foi a que concede o título de utilidade pública à Associação de Mulheres da Baraúna. Dois projetos de autoria da vereadora.

O presidente Tito, fez pronunciamento dizendo que são graves as denúncias feitas pelos vereadores com relação à precariedade dos serviços de saúde pública em Barreiras e disse que além de sediar audiências públicas para prestação de contas da Secretaria, a Câmara tem feito requerimentos de informações e documentos e o acompanhamento de processos de pagamentos referentes à saúde, por meio de representações feitas no Ministério Público. Tito afirmou que audiências já foram realizadas entre a Câmara e o Ministério Público na tentativa de apurar as deficiências no atendimento da Saúde Pública em Barreiras.

Sobre a Escola Tarcilo Vieira de Melo, o presidente Tito, falou que será feita uma representação do Legislativo aos Ministérios Públicos Federal e Estadual, pedindo para que haja atuação junto à Secretaria de Educação de Barreiras, exigindo solução imediata para a situação, vista como grave pela Casa. O presidente disse ainda que outros relatórios de fiscalizações anteriores, relacionados à Educação, também serão encaminhados aos Ministérios.

Por: ASCOM – Câmara Municipal de Barreiras

 Postagem: Joselia Brito

Alô Alô Salomão

D' FRUT REFRI